Corno Flagra A Esposa Dando Ao Amante No Carro No Meio Do Mato – Videos Amadores Sexo Amador

1 min 0 seg

Categoria:

Tag: ,

visualizações

1 min 0 seg

Categoria:

Tag: ,

Corno Flagra A Esposa Dando Ao Amante No Carro No Meio Do Mato – Videos Amadores Sexo Amador

Corno Flagra A Esposa Dando Ao Amante No Carro No Meio Do Mato – Videos Amadores   Sexo Amador

vou gozaaaar…Aahh!!Ruddi, um negro de quase 1,90 m, carapinha avermelhada natural e lânguidos olhos verdes tinha enfeitiçado a esposa de Gil, logo após o jantar a três.

Quando ela não estava aguentando de tanto tesão, coloquei a pica dura p fora da calça e comecei a esfregar na bucetinha dela,quando coloquei a cabeça do pau, ela pedia p colocar, quando meti nela com força ela gemeu algo, não parei até ela gozar, depois a coloquei de quatro e meti com vontade, dando tapas na bunda dela e puxando seu cabelo até gozar. Ele queria que fizesse um filme erótico amador, onde ele seria o diretor e câmera, e eu seria sua atriz principal.

Um por um foi tomar banho e voltavam com a toalha na cintura mas logo tiravam;o tio do Ferreira era o único que ainda estava vestido e Ferreira perguntou se ele não ia tomar banho e ficar a vontade;Moacir pegou uma toalha e foi pro banho e ficamos bebendo e vendo o vídeo;Anderson já excitado e com receio pegava na rola do Djalma;eu chupava Jobson com receio de que o cara saísse do banheiro e nos flagrasse….

Depois de alguns dias de papo e trocas de vídeos ele me convidou para visitar o consultório dele, no começo não fui, mas um dia sai para caminhar e passei lá, era quase noite e ele estava lá, entrei e ficamos conversando e eu já estava com tesão pq tinha perguntado o tamanho do pau dele e ele disse que so mostrava pessoalmente então resolvi pedir se ele ia me mostrar e ele surpreso perguntou se eu queria ver mesmo e eu disse que sim.

eu sou casado a 11 anos conheci uma mulher onde saímos ja a 11 meses e sempre tive a curiosidade de ver minha esposa com outro homem e ela nunca ai conversei com a amante que aqui vou chamar ela de lily sobre o que tinha muita vontade de fazer ela tb era casada e acabou aceitando minha proposta, então em site de relacionamentos deste tipo e conhecemos um rapaz jovem atraente e ela se interessou pelo rapaz acabamos combinamos com ele e ele nos pegou e fomos direto para o motel chegando la ela estava simplesmente um tesão de calça jens blusinha e uma minuscula calcinha fio dental. Ai eu mandei ver, a bucetinha dela é apertadinha e parecia que eu estava tirando o cabaço dela naquele dia, nossa que delícia, meti com gosto e ainda falava “toma sua safada! Já que o corno do teu marido não te come como você merece vou te dar rola de verdade!”.

Dormimos pois estávamos cansados, pela manhã por volta das 09 hs, acordamos para o café, chamamos a baba no apto ao lado, Marcela já estava arrumada de fio dental e entrada de banho, não preciso dizer que Marcela é uma morena muito gostosa, peitos e bunda grande, pernas grossas e adora se exibir, depois do café resolvemos ir a praia dar uma volta de carro com nossa filha, voltamos pro almoço, a baba foi dar o almoço dela depois foi coloca-la pra dormir, chamei Marcela para irmos a praia tomar cerveja, o garçom do hotel nos acomodou em uma barraca, sentamos pedimos cerveja e caipirinha para Marcela, na tenda ao lado tinha 2 casais de São Paulo, logo puxaram conversa, nos entrosamos, Marcela foi tomar banho, os homens ficaram olhando pra sua bunda toda a mostra, quando voltou como o biquini era branco, molhado, mostrou transparencia e dava pra ver todo o contorno de sua buceta peladinha, pois ela usa depilação total, notei que tinha um que não tirava os olhos, continuamos conversando, deu 16 hs, então eles dizeram que iriam a um forro que tem na cidade e nos convidaram, combinamos e subimos pro apto ver como estava nossa filha, nos deitamos pra descansar pois o sol estava escaldante a baba foi dar o jantar de nossa filha, lá pelas 21 hs nos arrumamos e encontramos os casais na recepção, Marcela estava de vestidinho de algodão branco meio transparente mostrando sua calcinha fio dental preta sem sutiã, chegando no forro procuramos uma mesa, era bastante escuro e lotado, pedimos caipirinha e cervejas, o forro tava tocando, muita gente dançando, fomos dançar, voltando eles queriam dançar mais nao sabiam, em Marcela se ofereceu para ensinar, dançou com um depois com o outro, o mais novo tinha uns 30 anos e era todo gaiato, ja tinhamos tomados umas,vez por outra ele chamava ela para dançar, num determinado momento se perderam na multidão, quando voltaram notei meio desconfiados e ele tentando esconder sua ereção, sentaram então chamei Marcela pra dançar, ela notou que eu estava de pau duro, beijou minha orelha que adoro, então eu disse o rapaz chegou na mesa de pau duro, ele tá a fim de ti amor, ela disse ele quase me come amor, me virou de costa e ficou roçando em minha bunda, ela disse amor fiz de conta que não tava entendendo e fiquei rebolando no pau dele, ele me beijou no pescoço mordeu minha orelha, mais pedi pra sair pois poderiam notar, você achou ruim amor, eu disse não adorei essa situação amor, é muito tesuda, ela disse gostei também mais só faço se você concordar, eu disse tá livre amor se você tá com tesão nele, nos beijamos e voltamos pra mesa.