Comendo o cu de uma puta no mato

8 min

Categoria:

Tag: , , , ,

visualizações

8 min

Categoria:

Tag: , , , ,

Comendo o cu de uma puta no mato

Comendo o cu de uma puta no mato

De repente ele para se afasta. Conhecia todos de vista, mas amiga mesmo só a Alessandra (Alê).

-Nem queira saber…"Depois de gozar litros no pal dele, e cavalgar que nem uma tarada, eu estava já totalmente fraca e dominada, quando ele me botou de 4, e achei que ele fosse continuar comendo minha xoxotinha, mas senti a cabeça do pal dele roçando em outro buraco, ele queria comer meu cuzinho, que era fechadinho, vez ou outra tentei alguma coisa por trás, sem sucesso. E comecei a bater e veio o êxtase de uma gozada e a levo ao banho e assim como ela evita a palavra corno, eu queria ser chamado de corno e não restavam duvida eu era corno, pois se minha própria mulher diz… Sai manso… E como um corno volto pra vê e quero bate uma e quando entro em casa a vejo com a boceta melecada de porra, a rosquinha arrombada e ainda diz pra mim… Quer um cuzinho?E eu estava quase não resistindo à tentação de pedi-lhe pra ela me chama de corno e foi quando ela disse mansamente em meus ouvidos corno tá gostando? Eu sei muito bem que tu tava olhando e tua esposa deu o cuzinho dela que estar saindo esperma e não duvide foi naquele sofá que saímos juntos pra comprar e fiz tudo pra você chegar a casa e encontrar o cuzinho da sua amada desse jeito e agora é tua vez, e esse pedido me fez deliciar-me por completo e quem já comeu o cuzinho da esposa arrombado outro sabe que quando a gente mete não tem prega pra arrombar e foi a melhor gozada que dei e eu que nem sentia meu pau entrando e ela perguntou… Eu fiz certo? , mas não precisa responder em palavras se gostou vira de costas pra mim. depois ele levantou e abraçou ela por trás fazendo ela sentir a vara dele. O pau invadiu sua xoxota como se fosse dono da casa. Ela disse que quando o padre precisasse poderia chamar ela pra qualquer coisa e continuou a varrer.

Na manhã seguinte, depois de ver que a esposa dele saíra, fui até lá, ele me recebeu assustado e eu expliquei o que Meg tinha me falado e estabeleci que se não fosse assim, não seria mais de jeito algum.

Enquanto o copo do Jean tinha praticamente só suco.

Quando a cabeça forçou meu esfíncter, senti queimar como fogo e percebi meu rabinho se abrindo todo para receber aquele pedaço de carne dura como ferro. Então falei que tinha visto um documentário que saliva faz bem pra parte peniana kkkk. "Comendo Minha MãeCerto dia em minha humilde residência,estava eu e minha ex namorada safadinha que ficava louca ao ficar comigo,era cada beijo e chupada na língua que o meu pau chegava a latejar de tanto tesão. Perguntei se já tinha feito isso alguma vez na vida e ele disse que não.

Abri alguns botões da minha blusa e meus seios estavam arrepiados, os mamilos duros.